domingo, 4 de novembro de 2007

Canetado noutra Vida

Às vezes as coincidências apanham-nos desprevenidos, pondo um sorriso no lábio de quem as vive.

Hoje foi uma dessas ocasiões. Estava eu a procurar uns apontamentos escolares antigos para emprestar, quando, dei de caras com uns trabalhos tão antigos - para mim parece que foram feitos há outra vida - que não me lembrava de alguma vez os ter feito.
Mas não é aqui que reside a coincidência, mas sim no facto de os ter encontrado agora!
Sim, agora: agora que criei este blog e que recordei tempos em que o canetado era parte do meu dia-a-dia. Durante tempos, estes trabalhos não eram mais que mera recordação, mas agora que os fiz "reviver", estão sempre a surgir, como que a mostrar que estão ali, que não são, apenas, parte de um passado.

Bem, foi engraçado. Mas mais engraçado é o facto de nem me lembrar deles antes de os encontrar, e mais ainda, de estes serem 3 anos anteriores aos que mostrei anteriormente. Ou seja, são de 1997 o que significa que eu teria 10 anos... - onde isso já vai!=P

Ao revê-los fui recordando o momento em que os fiz.
Fi-los, mais uma vez, na Feira de Artesanato, a primeira que me lembro de ter ido, e nessa altura ainda não andava nas aulas de pintura, pois esta ainda estava a formar-se e a crescer.


Mas deixando-me de conversas, aqui os deixo para que os vejam! Se há trabalhos do qual me orgulho, são aqueles que fiz em novinha!


Este foi o meu primeiro trabalho oficial. A professora já tinha o desenho passado e eu estive a trabalhar com a caneta por cima.
O traço é bastante imperfeito e a imagem da caravela perdeu um pouco a lógica, mas enfim, é normal, afinal foi a primeira vez que vi tudo aquilo...principalmente aquela caneta especial.
O azulejo é de 11cm2, e foi com tristeza que o encontrei partido.=(

Este casalinho foi o meu 3º trabalho nesta feira, e aventurei-me numa imagem maior. Apesar de lhe faltar perfeição, adoro-o! São tão ternurentos!!!

O azulejo é de 20 cm2.
Aqui está o casal em pormenor.


Pelo meio falta um azulejo que canetei à mão livre - uma bonequinha que ficou bastante desengoçada -, mas esse infelizmente não encontrei.
Curiosamente é aquele de que melhor me lembro.


E pronto, despeço-me, deixando-me ir ao sabor do vento que bate nas velas de uma linda caravela. Nela está um casal apaixonado, muito enamorado, embora envergonhado.


***=)

4 comentários:

ana abreu disse...

Olá, vim retribuir a visita e o comentário, muito obrigada. Adorei o teu cantinho, vou vir mais vezes e assim que tenha tempo vou adicionar-te nos meus links.
~Beijinhos
Ana

Arte na Mão disse...

Não sou muito de signos, mas...ás vezes há coincidências....as sagitarianas que conheço são todas umas artistas e tu estás de parabens, sem dúvida!
Muitos beijinhos para ti,
Alik

Maria Lemos disse...

Uma imagem encantadora, no minimo!

Blog do Atelier da Jô disse...

Olá Bela mulher!!!!!

Sim você !

Este é só um brinde.

Para os homens que temos hoje.
Para os perdedores que nos tiveram.....
....e nos deixaram ir.

E o sortudo que nos conhecerá ou já conhece.

Você foi eleita e tem que ENCANTAR as BELAS AMIGAS.

Você foi ENCANTADA porque alguém a considera uma das dez mulheres mais belas em sua Lista de contactos.

Envie esta mensagem só a BELAS mulheres, e alegrará o dia delas!

Se por acaso esta mensagem chegar a você duas vezes, não fique com esta cara!!!!!

Pois saberá que você é duplamente BELA!
Se não reenviar esta mensagem não lhe sucederá nada....

Beijinhos
Aproveito pra dizer que o casalinho ta um amor.

Related Posts with Thumbnails